Aliah* é um projeto que pretende reciclar o seu jeito de olhar o mundo. Pretende que entendamos que um negócio não é apenas um negócio, e que pode ser também uma oportunidade de transformar o mundo em um lugar melhor para todos.
A realização da Copa do Mundo no Brasil é um enorme incentivo para a construção de hotéis. Mas um hotel não precisa ser apenas um hotel, onde as pessoas passam alguns dias, a lazer ou a trabalho, e que serve para gerar lucro a seus proprietários.
Pode ser construído de um jeito diferente, respeitando o meio ambiente e utilizando os recursos naturais de maneira inteligente e sustentável. Pode, durante seu projeto e o processo de implantação, capacitar profissionais para esse novo jeito de construir o mundo, ensinando a eles as mais recentes tecnologias de geração de energia limpa, uso de água e gestão de resíduos.

E pode também gerar oportunidade de reinserção social a sentenciados através do aprendizado de técnicas sustentáveis de construção civil e eventual contratação durante a fase de ampliação do projeto. Pode ter impacto positivo na sociedade e no seu entorno, com ações concretas de educação ambiental como o incentivo à coleta seletiva e à reciclagem e promoção de ecoturismo regional.

O hotel pode ainda gerar empregos verdes e ser operado respeitando as leis trabalhistas e reduzindo desigualdades. Tudo isso também é ser sustentável. Pode, ainda, enquanto recebe seus hóspedes, ser um bom exemplo desse novo modo de fazer as coisas, fazendo com que cada indivíduo saia de lá mais consciente e capaz de levar esses conceitos para o seu dia a dia.

Além de tudo isso, o hotel que não precisa ser apenas um hotel pode seguir dando lucro a seus proprietários – mas de forma duradoura, e não apenas durante a realização da Copa do Mundo. Isso tudo é sinônimo de sustentabilidade.

ISSO TUDO É ALIAH!